Arquivo mensais:maio 2013

Receitas Simples e Gostosas – Receita 1

Bom, adooooro comer e adooooro cozinhar. Mas com a vida corrida que temos muitas vezes fica difícil fazer receitas muito complexas, por isso tento optar por algumas simples e gostosas. Hoje fiz um ‘Caldo Verde’ e meu marido nunca tinha comido um!!!

Vou postar no blog apenas receitas testadas e aprovadas aqui em casa! :)

Modéstia a parte, este Caldo Verde ficou muuuito bom – o maridão aprovou! Segue uma foteeenho do prato e a receita!

caldo verde

 

CALDO VERDE

  • 5 batatas médias, descascadas e cortadas em rodelas
  • 2 tabletes de caldo de galinha
  • água suficiente para cobrir as batatas
  • 2 xícaras (chá) de couve manteiga cortada em tiras finas
  • 1 linguiça calabresa/portuguesa defumada (pequena ou meia da grande) picada em pedaços pequenos
  • Rende: 5 porções
  • Tempo de preparo: 30min

MODO DE PREPARO

  1. Numa panela coloque as batatas, a água e o caldo de galinha.
  2. Cozinhe por cerca de 20 minutos, até a batata ficar bem cozida.
  3. Em seguida, bata tudo no liquidificador (eu uso o ‘mixer’ direto na panela, beeem mais prático).
  4. Acrescente a linguiça defumada picada e ferva.
  5. Desligue o fogo e adicione a couve manteiga.
  6. Na hora de servir, coloque um fio de azeite e croutons ou pão para comer com manteiga.
  7. Para quem gostar, adicione molho de pimenta, fica uma delícia!!!

*A receita pode ficar mais ‘light’ sem a adição da linguiça, ou mesmo virar uma versão vegetariana do prato, usando caldo de legumes ao invés do caldo de galinha e excluindo a linguiça.

Bom proveito!!!

Dicas que Amamos – Manual para Empregada Doméstica

Quando tive empregada 3 vezes por semana (ai que coisa boa) tive que ajuda-la a organizar a agenda de atividades. Acabei colocando no papel e criando um ‘Manual’ que circulei entre minhas amigas da época.

Faz pouco tempo uma amiga que nunca tinha saído da casa dos pais casou e estava perdidinha com a empregada doméstica. Fui buscar no fundo do baú o manual e, confesso, morri de rir com a maneira como foi escrito (por mim, claro :p).

Eu brinco que quase tenho TOC (QUASE viu?!?!) e lendo o manual hoje sei que não tenho, mas tinha!!! Rsrsrsrs…

Enfim, segue o manual que pode ajudar a otimizar a agenda da empregada doméstica que tenha na sua casa atualmente. Ele propõe atividades diferentes para cada dia que ela vai, bem como o que deve ser feito apenas a cada quinze dias ou uma vez por mês. Divirtam-se!

***se for usar ou copiar o material aqui postado, faça a devida referência ao blog “semretoques.com.br” :)

AGENDA DE ATIVIDADES DOMÉSTICAS

 TODOS OS DIAS

  • Lavar a louça que estiver suja, com as portas da cozinha e da área de serviço fechadas (e não encostadas) para não entrar barulho nos quartos.
  • Arrumar as camas pela manhã.
  • Repor na geladeira leite, nescauzinho, refrigerante, água, cerveja, suco, a fim de que estejam sempre gelados para serem consumidos.
  • Limpar os pratos e a areia dos animais (logo cedo e ao ir embora).
  • Lavar e passar roupas (verificar os bolsos das roupas, para que não sejam lavadas com dinheiro, moedas, etc nos bolsos). * usar da melhor maneira possível a máquina de lavar, tomando sua capacidade de 8 quilos de roupa, evitando usa-la somente para uma ou poucas peças de roupa. Quando isso acontecer, lavar essa(s) peça(s) à mão e apenas torcer na máquina, se necessário. Isso economiza água e energia.
  • Lavar os banheiros, secando bem a área fora do box (sempre cuidando para não molhar o gabinete e a porta).
  • Limpar a cozinha, passando apenas pano. Lavar com água somente em caso de real necessidade.
  • Retirar os sacos de lixo.
  • Passar aspirador e pano úmido no chão de toda casa e também na sacada e seus respectivos móveis.
  • Molhar as plantas (as grandes com 500ml e as pequenas com 150ml de água), bem como tirar delas as folhas e flores mortas.
  • Trocar a água dos vasos de flores.
  • Tirar pó do quarto do casal, ou seja, do criado-mudo, estante, som, televisão e chão. Recolher e lavar as garrafas de água do quarto.

 SEGUNDAS-FEIRAS

– Tirar pó de TODAS as prateleiras, estantes e balcões expostos da casa (inclusive do quarto de hóspedes, do escritório, entre o vidro e o buffet da sala, etc), removendo os objetos como bibelôs, vasos, tirando pó deles também (como dos cremes das prateleiras dos banheiros, dos perfumes, etc – dos livros tirar o pó somente com pano seco nunca úmido). *Televisões, dvd´s, aparelhos de som, computadores, fax e impressora, bem como dos CD´s: usar pano úmido e depois seco, sem nenhum produto de limpeza – e devem preferencialmente ser mantidos na ordem em que estiverem.

– Aspirar estofados e tapetes.

QUARTAS-FEIRAS

– Limpar vidros (inclusive das janelas), espelhos e quadros.

– Limpar telefones.

– Verificar se as fôrmas de gelo estão completas, caso não estejam, completar com água filtrada.

– Lavar a fonte de água (usando o lado macio da esponja), enxaguando bem.

 SEXTAS-FEIRAS

– Trocar roupa de cama e banho, no banheiro do corredor colocar toalhas de cores mais escuras, como verde, azul, etc e no banheiro da suíte colocar toalhas de cores rosa, salmão, etc.

– Limpar os boxes de vidro dos banheiros com vinagre e enxaguar, bem como escovar o rejunte. Usar cândida somente se o vinagre não tirar toda a gordura do Box.

– Lavar as lixeiras por dentro.

– Virar o colchão na troca da roupa de cama.

– Limpar atrás do criado-mudo, cama do casal, cama de solteiro, sofás.

– Lavar a cozinha com água, sempre cuidando da porta de acesso, para que não seja molhada.

– Faxinar a pia da cozinha, inclusive embaixo dos potes de mantimentos e do forno elétrico. Limpar fogão e microondas (e forno quando necessário).

 A cada 15 dias (sextas-feiras)

  • Tirar manchas de interruptores, portas e paredes, com sabão de coco líquido e esponja macia.
  • Higienizar (com carpex e vinagre) os sofás e tapetes.
  • Limpar as persianas e os lustres.
  • Passar pano úmido com detergente neutro na parte externa do fogão, microondas e forno elétrico.
  • Passar flanela macia com o produto adequado para não riscar no: exaustor, geladeira e freezer.
  • Passar espanador nos cantos da casa e no teto, evitando aparecimento de teias de aranha.
  • Passar lustra-móveis em peças de madeira.

 Uma vez por mês (quarta-feira)

  • Lavar as todas as paredes de azulejos na cozinha e lavanderia, finalizando com pano com álcool.
  • Limpar a máquina de lavar (despeje meio litro de água sanitária no cesto e selecione lavagem completa, mas sem a pré-lavagem).
  • Limpar o exaustor (lavar o filtro metálico conforme explicado pelo técnico).
  • Limpar os acessórios (tubos e bocais) do aspirador de pó.
  • Fazer faxina na parte interna dos armários de toda casa (cozinha, área de serviço, sala, corredor, quartos e banheiros), caso ainda não tenha feito antes por terem estado muito sujos.
  • Limpar geladeira e freezer por dentro com água e sabão de coco ou com água e bicarbonato de sódio.
  • Borrifar água nas folhas das plantas que ficam na sacada, para tirar a poeira que junta nelas.

Recomendações Gerais

* usar da melhor maneira possível a máquina de lavar, tomando sua capacidade de 8 quilos de roupa, evitando usa-la somente para uma ou poucas peças de roupa. Quando isso acontecer, lavar essa(s) peça(s) à mão e apenas torcer na máquina, se necessário. Isso economiza água e energia.

* sempre ler as recomendações nas embalagens dos produtos, especialmente os de limpeza – exemplos: testar na parte interna da barra da calça ou blusa primeiro o tira-ferrugem e o Vanish tira-manchas.

* ao lavar as roupas, separar as peças por cor (brancas e coloridas), nível de sujeira (sujas e muito sujas), uso (pessoal, cozinha, faxina), textura (delicadas, jeans, algodão).

* colocar as roupas mais sujas de molho com água e sabão em pó (não deixar ultrapassar duas horas, senão pode manchar).

* lavar as roupas delicadas à mão.

* no enxague de qualquer roupa, certificar-se da remoção de toda a espuma.

* sempre esfregar o colarinho e as mangas das camisas sociais, verificar a existência de manchas em qualquer roupa e as remover antes da lavagem na máquina.

* ao estender as roupas no varal, algumas dicas: pendurar as camisas sociais em cabides e prender as calças pela barra – isso facilita na hora de passar.

* ao passar roupas sempre usar o ferro na temperatura adequada, e usar fraldinha entre o ferro e a roupa muito delicada, a fim de evitar manchas e/ou brilho na roupa.

* ao parar de passar roupa, seja para guardar as roupas passadas dentro dos armários, ou para atender um telefonema, etc, desligar o ferro. Isso evita que ele superaqueça e também economiza energia.

* não guardar roupas com manchas ou sem botões. Deixar para fora e mostrar para que sejam consertadas.

* ao guardar roupas nos armários, especialmente camisas e calças, tomar cuidado para não amassar as que já estão guardadas, bem como aquela que está sendo guardada.

* tirar pó das superfícies altas e só depois limpar o chão.

* deixar sempre as roupas de cama, mesa e banho ensacadas, para não pegarem pó. Fazer o mesmo com as blusas de lã, conforme as lavar.

* guardar eletrodomésticos somente após passar pano úmido na sua parte externa e enxugar, para tirar qualquer respingo.

* procurar alimentar-se dos mantimentos já abertos (evitando abrir pacotes ainda fechados). Pacotes individualizados como de Miojo, bolacha Club Social, Marilan, hambúrguer, dentre outros, podem ser abertos.

* ao preparar saladas com folhas, sempre lavá-las em água corrente e deixá-las de molho em água com gotas de cândida por 15 minutos, para matar germes e bactérias.

* sempre lavar latas antes de guardar, mesmo que sejam guardadas no armário e não na geladeira.

* não armazenar/deixar armazenado qualquer alimento em panelas na geladeira, transferir para tuperwares.

* cuidar com as janelas – deixar um vão aberto ao ir embora para evitar que chova dentro da casa, inclusive nas janelas da área de serviço.

*nunca usar o mesmo pano para limpar o fogão e a pia do banheiro, por exemplo. Separar peças diferentes para cada atividade (por exemplo: panos de chão para banheiros, outros para casa e os panos pequenos usar somente na pia da cozinha) e não os misture na lavagem, o mesmo servindo para os panos de prato.

* tomar cuidado com as quinas das portas, paredes e móveis, tanto no transporte de objetos, quanto no manuseio do aspirador de pó.

* qualquer dúvida, não faça, pergunte primeiro!

 

Coisas da Moda – Clothing Swap

Visitei uma amiga fashionzérrima no início deste mês de Maio e ela comentou que tem malas cheias de roupas que não usa mais e que não sabe bem o que fazer com elas. Doação é sempre uma opção, claro. Mas roupas fashions muitas vezes podem ser melhor aproveitadas pelo seu próprio círculo de amigas, não?!

Daí lembrei-me da proposta de CLOTHING SWAP, muito comum nos EUA e Europa (ao menos é o que dizem… rsrsrs…). Seja para praticar o desapego, deixar a energia fluir tirando do armário aquelas peças que você não usa há séculos, ou refazer seu armário sem gastar um tostão em tempos de crise, o CLOTHING SWAP está com tudo. Fora que o ‘evento’ em si já é uma diversão!

As regras são mais ou menos assim:

1) Você faz ‘a limpa’ no seu guarda-roupa e separa as peças que não usa mais, que não gosta mais ou que não servem mais. As peças têm que estar em ótimo estado, limpas e se possível, ser estilosas, mas podem também ser contemporâneas ou clássicas. Vale separar roupa, sapato, bolsa, acessórios, esmalte/creme/produto de beleza que comprou e não gostou, etc. É preciso limitar a quantidade por pessoa senão pode virar um salseiro: entre 15 e 25 itens.

2)  É recomendável que o convite seja feito entre meninas com o biotipo similar, para que possam aproveitar ao máximo a troca. Mas não é uma necessidade, vez que sapatos, bolsas e acessórios independem desse elemento!

3) Além dos itens para troca, cada uma leva uma comida e/ou bebida (conforme a anfitriã tenha combinado) para o ‘evento’. Levar CDs com músicas ou DVDs de shows também é uma ideia bacana para animar o ‘evento’.

4) Na casa combinada e seguindo o horário marcado, organiza-se as peças por categoria. Ter uma arara com cabides e uma mesa grande disponível ajuda bastante – bem como um quarto separado para ‘provador coletivo’ da mulherada.

5) É feito um sorteio ou um jogo (tipo 2 ou 1) para decidir quem começa e em que ordem ficam as demais pessoas. Na ordem sorteada, cada uma vai à ‘lojinha swap’ e tem direito a escolher 1 peça por rodada. Assim, a chance de uma pessoa sozinha ficar com as peças mais bacanas é menor. Para as desinibidas (ou as que querem trabalhar a desinibição) é legal desfilar na frente das outras e ouvir opiniões. Se o item não serviu direito ou se não sabe se vai usar no futuro, deixe pra próxima.

6) As trocas não precisam ser exatas. Ou seja, se você trouxe 15 peças, não precisa levar exatamente 15 pra casa, mas é legal ter bom senso e ser justa. Por isso é interessante estabelecer um mínimo e máximo para cada uma trazer de casa.

7) As peças que sobrarem serão doadas para caridade.

E AÍ, QUANDO VAMOS ORGANIZAR UM CLOTHING SWAP MULHERADA???

*pode-se também organizar Swap para:

– Livros, CDs e DVDs

-produtos de Cama, Mesa e Banho

-brinquedos

-roupas infantis

-enfeites de casa

Beijos e até o próximo post!

Coisas da Moda – Unha ‘filha única’

FILHA ÚNICA – Fiquei durante tempos vendo a mulherada com uma unha da mão pintada de uma cor diferente das outras – chamada de ‘filha única’. Primeiro estranhei, depois ameeei. Semana passada fiz a primeira experiência e pintei o dedo anular de vermelho e os demais de café. Esta semana pintei o dedão e o anular. Amei também…hihihihi…

007

GOJI BERRY – Eu estou experimentando do tal do ‘goji berry’ que é uma frutinha que supostamente ajuda a emagrecer e a deixar a pele linda…  rsrssrs…  Ainda não tenho como dizer se de fato funciona… Sinceramente creio que não seja tudo o que dizem, mas talvez seja um incentivo para cuidar um pouco mais da minha alimentação.

SOLIDARIEDADE – Esse item não sei se está na moda, mas seria bom que estivesse. Hoje pela manhã estava indo para o escritório e na Av. Santo Amaro estava uma perua Kombi dando ré de uma vaga na calçada quando começou a sair fumaça do motor. Ao chegar mais perto vi que era fogo. O motorista saiu correndo para apagar o fogo com um extintor mequetrefe que não funcionou. Eu subi com o carro numa vaga da calçada, tirei meu extintor e fui correndo tentar ajudar. Ele não foi suficiente para apagar o fogo, mas bem que ajudou – só que para apagar o fogo precisaríamos de mais uns 2 ou 3 extintores talvez. Eis que a mulher do motorista correu para tentar tirar os pertences de dentro da Kombi, enquanto ele e eu fomos pro meio da Av. Santo Amaro pedir para os motoristas que passavam pararem para que emprestassem seus extintores. O que aconteceu??? NENHUMA ALMA PAROU. Saí de lá pedindo que o motorista e a esposa ficassem longe da Kombi, porque por certo ela ia explodir… Mais que ‘sentida’ pela perda deles, fui embora sentidíssima com a ausência de solidariedade. Enfim, isso não muda minha maneira de pensar e agir. Só me entristece um pouco. Um pouco de amor e solidariedade no coração de todos nós, hoje e sempre!

E você, experimentou alguma coisa que está na moda? Gostou? Conta!

Até mais! Beijinhos!

BLOG ‘Sem Retoques’ – De onde veio isso?

A ideia de criar um blog surgiu faz pouco tempo. Pouco mesmo, mês passado. E como sou do tipo que quer resolver as coisas o quanto antes, aqui estou. Mas por que o blog? Bom, são vários os motivos.

Sou mulher, executiva, esposa, filha, irmã, amiga – ou seja, como todas as mulheres exerço vários ‘papéis’ e às vezes dá vontade de dividir matérias que acho bacanas sobre essas nuances. Além disso, volta e meia tenho algumas ideias, vivo experiências ou vejo coisas na internet e fico querendo compartilhar.

Saí da casa dos meus pais aos 18 anos – e até lá eles ensinaram a fazer tudo de casa, limpar, lavar, cozinhar. Eu detestava, mas hoje agradeço imensamente. Morando fora, em adição a tudo que já tinha aprendido com eles, descobri alguns macetes domésticos, dicas para tirar manchas específicas, produtos que funcionam ou não, receitas práticas, cositas assim. ADORO cozinhar e gosto de dividir as experiências e receitas – e receber também das amigas as dicas e receitas que tenham. Nessa vida corrida nada melhor que receitinhas gostosas, rápidas e fáceis…

ENFIM, um blog para viabilizar essa troca me pareceu óootemo. Desejo alimentar o blog uma vez por semana ao menos, mas quero que seja um prazer e não uma obrigação – vou descobrir com qual frequência consigo o atualizar, é uma experiência completamente nova para mim!

Por todas as razões acima achei bacana dar o nome ao Blog de “Sem Retoques”: não desejo ficar ‘retocando’ o que vou postar; sou bastante ‘direto ao ponto’ e assim será o blog; enfim, que venha o novo! :)

Seja bem vinda/o! E até o próximo post!

Beijinhos!